Na União Soviética, o Pokémon caça você

terça-feira, 6 de setembro de 2016

A notícia do youtuber russo que foi detido por dois meses por jogar Pokémon GO numa igreja é só mais uma das tantas que pipocam todos os dias desde que o jogo foi lançado, envolvendo basicamente dois fatores:
- alguém jogando o jogo.
- alguém ou alguma instituição com birra do jogo.

Pra quem acha que a punição do rapaz foi exagerada, a coisa ainda pode ficar pior: ele corre o risco de enfrentar 5 anos de pokéxilindró.

O que ele diz para se defender?: "Você não pode prender alguém por ser um idiota".

Será que cola?

Pokégulag, vai! 

0 comentários:

Postar um comentário